sábado, 26 de julho de 2008



(c) Guida Machado
Peniche_ Praia do Medão
"O ruído com que nascem aves e ondas celebra o que de inverno a praia tem; move-se na ausência destes dias, pequenos limites que levamos connosco: aves e ondas que nascem só". Rui Almeida

2 comentários:

Rui Almeida disse...

Cheguei aqui por acaso...
Acontece q o texto q está neste post é da minha autoria e foi publicado no meu blog, em 2004: http://ruialme.blogspot.com/2004/01/em-jeito-de-agradecimento-grard.html
Foi certamente um lapso (q me deixa encantado!!!) atribuir o poema a Sophia.

GuidaMachado disse...

olá Rui
obrigada pelo reparo. Já não sei reconstruir a "história", mas foi certamente um lapso pelo qual lhe peço desculpa Está corrigido!